Home Office e Equipe Remota: Eu Faço!

Estou para escrever esse post há um tempo, mas finalmente tirei um tempo para escrevê-lo.

Bem, para quem não sabe, estou fazendo home-office já faz algum tempo. Mas é claro que tem algumas regrinhas!

[caption id="attachment_4892" align="aligncenter" width="450"] http://www.floatproject.org/wp-content/uploads/2012/05/home-office-design-pictures.jpg[/caption]

Trabalho 3 ou 4 dias da semana em casa e 1 ou 2 vezes por semana vou ao escritório. Essa é uma regra da empresa que eu trabalho. Home-office é permitido e eles encorajam a fazer isso, mas você precisa ir pelo menos 1 vez por semana no escritório? O porquê disso? Home-office é uma delicia, mas você acaba perdendo o contato com as pessoas que você trabalha e seus amigos do escritório. Esse dia “obrigatório” de ir ao escritório é justamente para isso: rever o pessoal, colocar o papo em dia e é claro, fazer reuniões de equipe. Assim você não perde tanto esse contato pessoal com a equipe e seus amigos. Por isso que uma das regras da empresa que eu trabalho é morar na mesma cidade do escritório. Não fazemos 100% home-office justamente pelos pontos citados nesse parágrafo.

É claro que você pode fazer 100% home-office, não morar na mesma cidade do escritório, etc. Mas aí perde esse contato com as outras pessoas. E isso é uma coisa que a empresa que eu trabalho julga ser importante. E sinceramente, eu acho legal você ter um contato presencial. Mas cada um com seu cada um né?

Aí entra um outro ponto da questão home-office: como se organizar. Eu vou descrever como eu faço e tem dado super certo para mim. Mas o que é certo para mim pode não funcionar para você. Cada um precisa achar a sua maneira de lidar com home-office.

Eu moro em um apartamento e peguei um quarto e transformei em escritório/quarto de computador. Nesse quarto tem 2 mesas: uma que é do meu marido com o computador dele, e outra mesa onde deixo meus computadores (um iMac e o laptop do trabalho). Esse quarto é apenas para isso, e quando estou trabalhando, deixo a porta fechada para ninguém me atrapalhar. Se alguém quiser falar comigo quando estou nesse quarto com a porta fechada, tem que bater na porta e aí entra se eu não estiver ocupada.

Essa é a parte mais complicada do home-office: educar a sua família. Não é porque você está em casa que você está disponível. Você não tem tempo para ir ao supermecado a cada meia hora buscar leite, macarrão pro almoço, etc. Você está trabalhando! Isso precisa funcionar da mesma forma que você estivesse no escritório, ou seja, você não está em casa à toa!

Nessa parte eu sou meio grossa com a minha família. Se alguém me interrompe por besteira eu brigo mesmo. Afinal, é meu ambiente de trabalho e preciso que as pessoas respeitem isso. Nessa parte sou bem enjoada. Acho que é por isso que tem funcionado bem.

Outro ponto é quem tem bichinho de estimação. Eu tenho um cachorrinho e ele não me interrompe também, e nem fica pedindo pra passear. A única coisa que ele faz é deitar debaixo da minha mesa e dormir. Bem, com ele nunca tive problemas, mas nem todo bichinho é igual né? Então se você tem um bichinho, vai ter que educar ele também.

Uma outra questão: internet, televisão, etc. Nessa parte você vai ter que se educar, e muito! Na rede da empresa que eu trabalho, eu não tenho acesso a email, redes sociais, etc. Mas em casa tenho um outro computador com acesso ao que eu quiser! Como fazer nesse caso? Bem, o que eu faço é ignorar o meu querido computador pessoal (essa parte é bem complicada e dá uma dor no curacao! Rs ) e uso apenas o meu iPhone para essas coisas. Quando estou no escritório posso usar apenas meu iPhone para esses acessos e levei isso para o meu home-office também. É difícil controlar, eu sei, mas precisamos ser fortes! E a TV? Bem, minha TV tá mais para objeto de decoração do que qualquer outra coisa. Eu não vejo TV no dia a dia, então para mim isso ficou fácil. Simplesmente não assito mesmo, por que no horário do expediente iria assistir?

Ah, a cama e o sofá! Outra tentação para quem faz home-office. Preciso confessar que na primeira semana de home-office uma coisa que fiz foi tentar trabalhar na cama e no sofá! Resultado comprovado: não dá certo! Tanto na cama quanto no sofá fiquei com uma tremenda dor nas costas. Melhor mesmo é sentar na minha cadeira no meu quarto-escritório. Fazer o que? Não se pode ter tudo!

Home-office nada mais é que disciplina. Você pode acordar mais tarde, vai economizar tempo no trânsito, pode comer uma comida caseira, vai economizar estacionamento, gasolina, vale refeição, etc. Todo esse tempo que vai lhe sobrar você pode usar para passar com sua família, ou para fazer uma coisa que você gosta!

Um cuidado que você precisa ter ao fazer home-office: horário fixo! Se você trabalha das 9 às 18, é das 9 às 18, não é das 9 às 22, nem outro horário! Muitas pessoas acabam se esquecendo disso e trabalham mais do que devem. Eu sou meio workaholic, então tive problemas com isso no início, mas agora estou me vigiando e tento fazer as 8 horas diárias. Hora extra só quando o chefe pede, mas o meu time evita fazer hora extra, pois acaba saindo mais caro para a empresa, afinal, vão ter que te pagar extra né?

Uma outra coisa que acho super legal da empresa que eu trabalho é que você tem horário flexivel. Por exemplo, eu quero entrar no trampo às 10 da manhã, pode? Pode sim, desde que você obedeça as 8 horas diáriasm ou seja, entra às 10h e sai às 20h. Essa vai ser o seu horário de trabalho. Claro que isso tudo depende da equipe, mas a maioria dos times permitem isso, afinal é qualidade de vida!

Mas vem cá, Loiane, a sua empresa simplemente enviou vocês para casa para fazer home-office? Claro que não! A empresa fez algumas sessões com o RH e especialistas em home-office (espécie de psicólogos) para nos ajudar. Passamos por treinamento que abordaram os pontos que já citei acima. Se todo mundo está seguindo eu não sei, mas para mim está funcionando.

Você precisa ficar de olho pois as empresas medem o seu trabalho por resultado quando você faz home-office. Não tem chefe para ficar perto de você para ver se você está trabalhando de verdade. E esse é um outro ponto importante se você for chefe: você não vai ver seus funionários todos os dias, portanto, vai ter que descobrir uma maneira de acompanhar o trabalho deles (e isso não é ficar chamando a cada 5 minutos no MSN para ver se já terminou a tarefa – isso é muito chato na verdade). Você precisa dar um dealine razoável para a tarefa e ver se a pessoa vai entregar com qualidade. Resultado é a palavra chave!

E como eu faço com trabalho de equipe remota? Meu caso é um pouco mais complicado pois sou o único membro da equipe que está alocado aqui no Brasil. Todo o resto da minha equipe está nos EUA, Europa e Índia. Aí não tem jeito. Conferências telefônicas aí dão um jeito na situação. Como as lugações são intercontinentais, usamos um serviço de conferência, aí cada membro ligar para um 0800 do seu país e falar gratuitamente!

A empresa nos deu um laptop, acessamos a rede da empresa via VPN e temos um telephone voip instalado no computador para fazer ligações. Assim, se alguém precisa falar com a gente, pode ligar para um número de telefone normal. Também usamos uma espécie de MSN empresarial, onde nos comunicamos a maior parte do dia via chat. Mas como gringo agora usar o telefone, usamos muito o telefone também. É mais rápido que ficar digitando.

Focamos sempre no resultado, já que não nos vemos e cada um mora em um país/cidade diferente.

Abaixo está meu home-office. Apenas uma mesa com meus brinquedinhos.

O Meu laptop pessoal deixo desligado enquanto estou trabalhando. O iMac às vezes uso apenas para escutar música enquanto trabalho (mas com volume bem baixo, é claro – já que no laptop do trampo não pode ter arquivos pessoais, e nem temos acesso a usb para copiar arquivos). Quando o meu expediente termina, aí fecho o laptop do trabalho e abro meu laptop pessoal e ligo o iMac, para começar a trabalhar nos meus projetos pessoais, blog, redes sociais, etc. Também tenho um blackberry do trabalho, para ficar sabendo se algum pepino pipocou for a do expediente.

Tento sempre tirar 1 hora de almoço (quando é possível, claro). Aí posso almoçar com calma e fazer alguma outra coisa no tempo que sobrar,

Bem, essa é um pouco da minha rotina. É como faço home-office e estou adorando! Tenho mais tempo para a minha família, fazer alguma coisa extra, e minha qualidade de vida aumentou muito! Basta você ter disciplina que funciona! E como você vai se tornar um funcionário mais feliz, você fica mais motivado e a empresa também ganha com isso! É #win para o funcionário e #win para a empresa! Todo mundo ganha e fica mais feliz! ☺